Prosperidade

Tempo de leitura: 6 minutos

 Você sabe o que é Prosperidade?

     Prosperidade (do latim prosperitate) refere-se à qualidade ou estado de próspero, que, por sua vez, significa ditoso, feliz, venturoso, bem-sucedido, afortunado. Também pode designar um período de ascensão econômica e desse modo conectado a uma sociedade otimista que goza de riqueza. A fase de prosperidade é caracterizada por uma tendência otimista para produtores e consumidores.
Mas o estado de ser próspero, não está associado ao dinheiro, e sim, através da felicidade com o trabalho que você realiza, com tudo que envolve a sua vida, com o seu corpo, sua saúde, seus relacionamentos, resultando em sua realização em vários campos de sua vida. O dinheiro é a manifestação exterior da prosperidade, mas você precisa trabalhar primeiro internamente, para construir a base e subir os alicerces, atingindo assim, uma plena realização.
O dinheiro é o resultado de suas atitudes. Exemplo, uma pessoa que tem dinheiro e vive reclamando, é preocupada, ansiosa, não tem realização, não é uma pessoa próspera… Já uma pessoa menos abastada e mais equilibrada em vários aspectos de sua vida é uma pessoa totalmente próspera.

prosperidade

Você tem pensamentos negativos com o dinheiro?

 Isso chamamos de “crenças limitantes”. Você acredita que só se dá bem na vida quem for desonesto? Quem teve sorte? Acha que as pessoas mais ricas são mais avarentas? Pare e questione… Existem pessoas ricas e pobres que são tanto legais como chatas… O que determina não é o dinheiro, mas como ela se comporta. As características intrínsecas do ser humano é que são exacerbadas pelo dinheiro.
Então, para se tornar uma pessoa próspera você tem que estar bem consigo mesmo, alimentando suas emoções positivas para que se manifestem no mundo exterior. E para isso precisamos mudar padrões de pensamentos. Nossos pensamentos são baseados em experiências do passado, no sistema límbico, especificamente no hipocampo. E essas experiências antigas não devem interferir em seu comportamento no presente. Para isso, devemos mudar a chave de pensamento, ou seja, ter pensamentos mais produtivos.

Você já ouviu falar em Mecânica quântica?

 Ela está presente em tecnologias como celular, micro-ondas, ressonâncias, etc… Surgiu a partir de estudos das partículas atômicas e sub-atômicas. Einsten foi o precursor e se destacou com a sua famosa Fórmula de Relatividade. Nesses estudos foi verificado que a distância entre os núcleos e os elétrons é imensa, e que entre eles há um espaço de energia potencial e não um vazio. Descobriram que os elétrons se arranjam em torno do núcleo de acordo com o observador da experiência, ou seja, a intenção do observador altera o rearranjo dos elétrons! A partir dessa descoberta, vários experimentos laboratoriais foram realizados para pesquisar o poder de nossos pensamentos, assim como o poder de nossas palavras que são manifestações de nossa mente. Então, tome cuidado com o que você acredita e fala, isso pode transformar sua vida! Temos que ter autodomínio. Assista o filme “Quem somos nós” para saber mais um pouco desse assunto 😉

Mas como mudar nossos pensamentos?

Existe um exercício bem simples. Coloque uma pulseira de elástico no pulso esquerdo e puxe-a toda vez que tiver um pensamento negativo… Seu inconsciente vai começar a relacionar esse padrão mental com a dor. E assim você vai perceber uma grande mudança com o tempo em seus padrões mentais. Você pode usar a mesma técnica quando estiver fazendo um regime, ou quando estiver fazendo uma economia para algum projeto.

Você tem o Hábito da reflexão?

Quais são suas perspectivas de futuro? E da sua família?
Quais foram seus primeiros pensamentos?
Se você tem o hábito de pensar mais para o lado negativo lembre-se: as chances das coisas darem certo ou não em sua vida são as mesmas, ou seja, 50%!
Pare de comparar com os outros! Cada pessoa é única e às vezes a aparência não demonstra sua satisfação, suas preocupações e frustrações.
Você tem que pensar mais em você! E não pense que isso é egoísmo… Como você pode cuidar da saúde de outras pessoas sem cuidar antes de você mesmo? Qual a ideia que você tem de si? Você se ama? Lembre-se dos ensinamentos da Bíblia e reflita sobre esse grande ensinamento: “Amai ao próximo como a si mesmo”.
Se você estiver bem consigo mesmo ficará mais disposto a enfrentar uma rotina pesada de vários atendimentos no consultório. Mas faça uma análise: Como você se comporta e se apresenta? Você se valoriza? Como acha que o seu trabalho é digno ou está se sentindo desvalorizado?
E como você vai cobrar um valor maior pela sua consulta se você se sente desvalorizado?
Lei da atração: Você deve ter pensamentos positivos sobre você. Ela se propaga às pessoas ao seu redor, elas se sentem positivas a seu respeito. Isso ocorre quando sentimos uma empatia natural. E tem aquelas pessoas que não sentimos afinidades. Como no livro e filme “O Segredo”. Os seus pensamentos e sua autoestima influenciam diretamente o que as pessoas sentem sobre você e interferem em sua prosperidade. Mas não adianta só ficar pensando positivo, sem ação. Quando você está bem consigo, sua mente abre espaço pra criatividade, e quanto mais inspirado terá maior dinâmica para resolver seus problemas. Os melhores negócios são ideias que surgem no momento de relaxamento (isso vem acontecendo em grandes empresas). E ideias trazem prosperidade. Se ficarmos ocupando nossa mente com pensamentos negativos a criatividade não aparece e, assim, não conseguimos pensar na solução de nossos problemas.

Você sabe o que é ansiedade?

Ela é nossa dúvida sobre o futuro. Quem tem fé comprovadamente tem menos ansiedade. A nossa vida ganha um salto de qualidade quando conseguimos parar nossos pensamentos negativos.

Mude seus paradigmas

Como estão seus controles financeiros?
Como anda seu relacionamento com seus colegas de trabalho? Com seus pacientes?
Como está seu atendimento pós-serviços?
Como é a cobrança pelos seus serviços? A maioria das pessoas tem dificuldade nessa área que está diretamente relacionada à sua autoestima e prosperidade. Se você cobrar menos do que merece vai ficar desmotivado pelo seu trabalho. Não precisa ter vergonha de cobrar. Tem que cobrar um valor que ache justo.
Quando seu paciente atrasa você aceita sempre com tolerância e vai deixando ele criar esse hábito que lhe prejudica? Ou você cobra as faltas deles?
Evolua também na questão de tecnologia. Você sabia que a maioria das pessoas antes de contratar um serviço entra na internet pra pesquisar? Você faz o seu marketing pessoal e profissional? Lembre-se sempre de expor seu trabalho de forma honesta e positiva para atrair os pacientes ideais pra você!
Seja bem-vindo à mente próspera! 😉
Texto retirado da palestra que assisti da Micheline Pereira com o tema: ““Como aumentar o número de pacientes e valorizar sua hora de trabalho” no evento da www.sinodonto.com.br

Ela é Bacharéu em Direito, Coach Pessoal e Profissional e Terapeuta Integrativa, especializada em Fitoenergética e EFT (acupuntura manual autoaplicável). E-mail para contato: micheline.mspereira@gmail.com

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *